Diário Virtual

quinta-feira, 17 de maio de 2012




Há quem diga que sou infantil...
Há os que me fazem ser infantil para com eles...
Há os que me fazem sorrir...
Há os que me dizem para sorrir...
Há os que sorriem comigo...
Há quem diga que sou estúpida...
Há quem me faça ser estúpida para com eles...
Há os que realmente merecem minha estupidez...
Há os que digam que sou dócil...
Há os que me fazem ser dócil...
Há os que são dóceis para comigo também...
Há os que me limitam...
Há os que eu limito...
Há os que de maneira alguma possuem limites...
Há os que me digam que sou sonhadora...
Há os que me fazem não querer sonhar mais...
Há os que sonham juntamente comigo...
Há os que me digam que sou inútil...
Há os que me fazem sentir uma inútil...
Há os que de fato eu me faço uma inútil...
Há os que se fazem presentes em minha vida...
Há os que preferem se fazer invisíveis em minha vida...
Há os que eu faço questão de que sumam de vez...
Há os que me dizem para ficar bem...
Há os que me induzem a ficar bem...
Há os que de fato me deixam bem...
Há os que me digam para não chorar...
Há os que me fazem não chorar...
Há os que choram juntamente comigo...
Há os que me dizem eu te amo...
Há os que amam de verdade...
Há os que fazem de conta amar...
Há os que eu faço de conta contar...
Há os que digam que sou boba...
Há os que me fazem sentir boba...
Há os que são bobos juntos comigo...
Há também os verdadeiros chamados bobos...
Há os que vão dizer siga...
Há os que vão me ajudar a seguir...
Há os que vão me fazer desistir de seguir...
Há os que vão seguir juntamente comigo...

Daniela Gomes de Almeida

Nenhum comentário:

Postar um comentário