Diário Virtual

quinta-feira, 25 de outubro de 2012

Tabu II


Se eu me cansei? Sim, eu me cansei; Me cansei de ver a falta de conhecimento das pessoas gerarem tanto preconceito sobre alguns determinados assuntos;Me cansei de ver a ignorância tomar conta das pessoas por não saberem ao certo com o que estão lhe dando a sua volta e nem ao menos se dar ao trabalho de aprofundar no assunto para dele melhor entender;Me cansei de ver tantos tolos achando que são
 espertos o suficiente para dizerem a palavra "nunca" sobre assuntos que nem eles mesmos são capazes de decifrar;
Me cansei de uma sociedade hipócrita que ainda acredita em mitos e tabus já esclarecidos, uma sociedade retrograda e sem conhecimento;
Me cansei de ver pessoas humilharem as outras por não se colocarem no lugar dos outros antes de mencionar qualquer palavra através de suas bocas que deveriam se calar antes de julgar;
Me cansei de pessoas que se julgam um pouquinho melhores do que os demais por não cometerem "pecados absurdos", sendo que em seus corações a podridão reina;
Me cansei de ver o sujo falando do mal lavado, de pessoas pensarem o que querem, porém sem total coerência sobre tais assuntos;
Cansei-me de ver pessoas dizendo serem sinceras e "sempre falarem o que pensam na cara" e esquecerem que a sabedoria é saber observar no tempo certo e falar na hora exata;

Daniela Gomes



terça-feira, 23 de outubro de 2012

É amor



Você sabe quando é amor,
Quando você convive com uma pessoa e as manias dela já fazem parte de você;
Você sabe quando é amor,
Quando uma pessoa sorri pra você e esse sorriso traz luz para o seu dia;
Você sabe quando é amor,
Quando todos os dias você acorda na esperança de ver aquele mesmo rosto a sua frente;
Você sabe quando é amor,
Quando uma pessoa mesmo que cheia de defeitos te completa e te faz sentir inteiro;
Você sabe quando é amor,
Quando uma pessoa te olha nos olhos e retribui com um sorriso no olhar o mesmo sorriso nos olhos que você ofereceu;
Você sabe quando é amor,
Quando uma pessoa se ausenta e a sua vontade é de que ela esteja por perto o mais rápido possível;
Você sabe quando é amor,
Quando você espera o dia todo só para estar com quem você se sente você mesmo;
Você sabe que é amor,
Quando uma pessoa passa o tempo todo ao seu lado em silêncio só contemplando aquele momento único;
Você sabe que é amor,
Quando uma pessoa juntamente a você faz a soma, cujo resultado é um só;

Daniela Gomes De Almeida

domingo, 21 de outubro de 2012

Doce presença



Seu sorriso é inspiração
Luz da vida repleta de emoção
Sua voz ecoa melodia, canção;
Que embala em alegria qualquer coração.
Infinita beleza...
Imensidão de riqueza
Um mar vejo no seu olhar.
Estrela guia no céu dos meus sonhos
Reluzente, persistente a brilhar.
Na noite nua; majestosa, doce, singela lua.
No dia, encanto.
Com mesmo calor do sol em forma de desejo, magia,
Tudo irradia.
Das sensações a mais intensa.
Das ilusões a mais bela.
Das estações a primavera.
Sua ausência é cúmplice da saudade
Sua presença traz o êxito para felicidade
E sem medo te procuro...
Te quero...
Como parte de minha realidade!

(F. Souza, Juliana)

segunda-feira, 8 de outubro de 2012

Eu sou meio assim



Eu sou mesmo assim: apaixonado e bobo às vezes;
De jeito faceiro e encantador, me encanto e me fascino com um novo amor;
Sou mesmo assim: de um jeito cativador, eloquente e assustador;
Eu sou mesmo assim: me ligo aos detalhes simplórios e ao que chamam de amor;
Sou mesmo assim: de um jeito sedutor e incrivelmente avassalador;
Eu sou mesmo assim: me alimento de esperanças, e sobrevivo de lembranças;
Sou mesmo assim: o novo me domina e o coração desatina de tanto amor;
Eu sou mesmo assim: te gosto sem medo, te sinto no peito;
Sou mesmo assim: me pego sem jeito, pensando no beijo que destes em mim;

Daniela Gomes de Almeida

Mesmice



Não me acostumo com o que é comum,
a mesmice não me atrai;
Gosto do novo, do que me surpreende,
de uma mensagem inesperada,
de uma notícia diferenciada,
de uma ligação fora de hora,
de gente capaz de surpreender a gente;
A rotina me mantém inquieta,

me aprisiona e me domina,
não gosto de pessoas previsíveis,
gosto do que é inovador,
do que não me deixa sossegada, do que me tira
da zona de conforto;
O que sempre acontece não me motiva,
a loucura sim me faz tirar os pés do chão,
percorrer o mesmo caminho todos os dias me irrita;
Gosto do novo, do que me surpreende,
do que a minha inteligência não está acostumada a contemplar;
do que a minha razão desconhece e do que o meu coração sente;

Daniela Gomes de Almeida

terça-feira, 24 de julho de 2012

Vivendo e aprendendo


O fato é que: todo mundo um dia erra;
Nós é que temos a mania de nos acharmos espertos demais e lembramos dos erros de todos, menos de nossos próprios erros;
O fato é que: todo mundo um dia se sente vítima;
Nós é que temos a mania de nos acharmos sempre donos das "verdades", lembramos de tudo o que fizeram conosco um dia, mas nos esquecemos do que fizemos aos outros;
O fato é que: todo mundo um dia fala demais;
Nós é que temos a mania de acharmos que todos falam de nós injustamente, mas e nós? Será que nunca falamos de alguém?
O fato é que: todo mundo se sente dolorido;
Nós é que temos a mania de acharmos que somos os únicos que sentem dores, mas quantas dores causamos nas pessoas a nossa volta?
O fato é que: todo mundo um dia pensa que tudo o que acontece consigo é injusto e que não merecemos a punição...
Nós é que temos a mania de não prestar atenção no que andamos plantando no passado e queremos colher só coisas boas no hoje;
O fato é que: pensamos que não temos amigos e que somos solitários;
Nós é que temos a mania de acharmos que somos os únicos que se sentem sozinhos, sendo que, quantas vezes negamos nossa presença a um amigo?
O fato é que: todo mundo um dia é falso demais;
Nós é que temos a mania de acharmos que as pessoas a nossa volta são falsas, mas esquecemos que também somos assim para com outras pessoas...
Tudo o que criticamos nos outros a nossa volta se reflete como nossa própria imagem no espelho;

Daniela Gomes De Almeida


Complexo sentimento




Tenho vivido dias em que o silêncio tem dito coisas que
eu jamais pensei que existissem dentro de mim mesmo;
Uma vontade grande de simplesmente sentar e ouvir
o som do coração falando...
Pela primeira vez está havendo uma cumplicidade da minha
alma com o meu intelecto...
Sinto-me vivo, mas imperfeito;
Sinto-me amado, mas louco;
Sinto-me feliz, mas incompleto;
Não sei como explicar o que há, mas algo mudou dentro de mim;
É como se uma complexidade tomasse conta de meus pensamentos,
e tudo o que eu pensei que fosse verdadeiro estivesse se desmoronando;
Ainda tenho brilho no olhar... penso que, enquanto esse brilho existir, também haverá ali uma esperança...
Sinto-me forte, mas perplexo;
Sinto-me orgulhoso, mas sensível;
Sinto-me sensato, mas confundido;

Daniela Gomes De Almeida

terça-feira, 29 de maio de 2012

Seus encantos



Me deixei levar pelos seus encantos,
seu riso, seu beijo, seu canto...
Hoje ouço a vida com uma melodia diferente,
é como se as notas musicais ganhassem
um sustenido a mais;
Vejo seus passos em minha direção,
ouço seu sorriso através de uma canção,
olho as fotos no porta retrato e fico
 me lembrando de seu abraço...
Me deixei levar pelos seus encantos,
seu riso, seu cheiro, seu canto...
Não sou eu, mas é você em mim;
Uma busca desesperada de te ter junto enfim;

Daniela Gomes de Almeida

sábado, 26 de maio de 2012

Ela te leva no olhar



E quando acontecer dos olhos se esquivarem,
quem vai ver a tristeza nesse olhar?
Será que alguém será capaz de notar?
Será que alguém será capaz de entender a falta
que você faz?
Ela carrega você no olhar,
quem o entenderá?
A dor nos seus olhos são visíveis,
a tristeza abaixa o teor do brilho em seu olhar...
Nota-se uma nuvem em seu turvo olhar,
compreende-se uma neblina em seu caminhar;
Será que alguém será capaz de sentir através do seu olhar?
Ela o leva no olhar,
quem o entenderá?

Daniela Gomes de Almeida

segunda-feira, 21 de maio de 2012

Concepção


Você mudou os meus dias...
Hoje olho a vida por outros ângulos;
Ao despertar me pego em uma outra rotina
que se difere do que eu estava acostumada
a viver...
Olho para o lado da cama e não vejo você,
que vontade de te ver...
Como pode uma única pessoa mudar toda a
sua existência?
Você foi capaz de mudar meus pensamentos,
minhas canções, poesias e imagens...
Me encontro com a realidade dos fatos e acontecimentos,
sou mais feliz hoje, algo mudou em mim...
Meus dias não são mais os mesmos desde que te conheci;
Hoje verdadeiramente o sangue corre pelas minhas veias,
sinto-me vivo;
Tudo por causa de você.

Daniela Gomes de Almeida

quinta-feira, 17 de maio de 2012




Há quem diga que sou infantil...
Há os que me fazem ser infantil para com eles...
Há os que me fazem sorrir...
Há os que me dizem para sorrir...
Há os que sorriem comigo...
Há quem diga que sou estúpida...
Há quem me faça ser estúpida para com eles...
Há os que realmente merecem minha estupidez...
Há os que digam que sou dócil...
Há os que me fazem ser dócil...
Há os que são dóceis para comigo também...
Há os que me limitam...
Há os que eu limito...
Há os que de maneira alguma possuem limites...
Há os que me digam que sou sonhadora...
Há os que me fazem não querer sonhar mais...
Há os que sonham juntamente comigo...
Há os que me digam que sou inútil...
Há os que me fazem sentir uma inútil...
Há os que de fato eu me faço uma inútil...
Há os que se fazem presentes em minha vida...
Há os que preferem se fazer invisíveis em minha vida...
Há os que eu faço questão de que sumam de vez...
Há os que me dizem para ficar bem...
Há os que me induzem a ficar bem...
Há os que de fato me deixam bem...
Há os que me digam para não chorar...
Há os que me fazem não chorar...
Há os que choram juntamente comigo...
Há os que me dizem eu te amo...
Há os que amam de verdade...
Há os que fazem de conta amar...
Há os que eu faço de conta contar...
Há os que digam que sou boba...
Há os que me fazem sentir boba...
Há os que são bobos juntos comigo...
Há também os verdadeiros chamados bobos...
Há os que vão dizer siga...
Há os que vão me ajudar a seguir...
Há os que vão me fazer desistir de seguir...
Há os que vão seguir juntamente comigo...

Daniela Gomes de Almeida

Simples assim




A vida é como um camicase cabe a você sentir o frio na barriga enquanto se está descendo ou sentir a emoção vibrar enquanto se está subindo...
Nada é perfeito, nem lento e nem rápido demais...
O tempo passa depressa de acordo com o que vivemos e imaginamos,
mas também passa devagar para o que sonhamos e pensamos...
Algumas coisas não se explicam apenas se sentem...
Eu hoje vejo o reflexo de tudo o que passou, um filme me surpreende e me toma por inteiro...
A vida passa em instantes mágicos, e antes que a mágica acabe é preciso tirar um novo truque da cartola;

Daniela Gomes de Almeida

sexta-feira, 11 de maio de 2012

Reinventando



Estou precisando reaver meus princípios,
reorganizar as ideias, parar de agir com o
coração e andar pela razão...
Onde se vai guiado pelo coração?
Acordei de um sonho bom, mas a realidade
veio a tona, agora talvez eu esteja com os pés
no chão e a loucura de tudo o que passou...
Como se vive de ilusão?
Deixei que as coisas fugissem do controle,
tudo está fora do alcance de minhas mãos,
agora eu não sei o que fazer...
Inverti a realidade, fiz contrato com a
saudade, perdi a sobriedade...
A passos largos caminho de mãos dadas
com o destino, não sei o que restou,
mas sei que aqui estou, invertendo, recriando,
repensando, aumentando, mudando...
Pelo menos a mobília velha foi retirada,
a casa se encontra reformulada e os sentimentos
também;

Daniela Gomes de Almeida

quinta-feira, 26 de abril de 2012

Agora existe você

Quantas dúvidas há hoje em meu coração...
Inúmeras são as questões desconhecidas pela razão...
Uma porção de perguntas invadem meu ser...
Extasiado estou... Eufórico estou... Amando vou...
O que fazer quanto as dúvidas?
Todos os lados pesam sob algo...
Nem tudo é fácil como imaginamos, nem todas as soluções são cabíveis nos contextos...
Tudo na vida que gera algo valoroso, também gera a dor...
Situações são propostas todos os dias, mas as respostas das minhas perguntas não veem a minha mente e nem ao meu coração...
Coisas incompreensíveis acontecem a todo instante e tudo o que eu ouço é o silêncio...
Entre a cruz e a espada caminho, a beira da estrada encontro seu ninho...
Me aconchego em teus carinhos, mas a vida vem com tantos espinhos...
A dor invade meus olhos, o medo atiça meu ser; Pela primeira vez eu não sei o que fazer...
Eu já lutei em outrora, mas agora tudo é diferente, agora existe você;
Por ques? Quantos por ques eu ainda vou engolir sem nada entender, agora existe você!

Daniela Gomes de Almeida


sábado, 21 de abril de 2012

Duas fases



Se você ao menos tivesse a coragem de dizer: me esqueça!
Eu talvez não estaria aqui pensando em você...
Se você ao menos tivesse a coragem de dizer: não me procure!
Eu talvez vigiaria meus olhos para não irem ao encontro dos teus;
Se você ao menos tivesse a coragem de dizer: somos amigos!
Eu talvez conseguiria manter meu coração distante do seu...
Se ao menos você sentisse o que sinto...
Talvez tudo fosse diferente aqui dentro;
Se ao menos você olhasse retribuindo...
Talvez o sentimento fosse verdadeiro;
Se você me dissesse que algo diferente aconteceu com você naquele dia...
Talvez eu largasse tudo para te ter ao meu lado;
Duas fases, duas versões, duas invenções, amores...

Daniela Gomes de Almeida

sexta-feira, 20 de abril de 2012

Invenção



Eu invento o amor,
o imagino e o desenho da maneira
que meus olhos passaram a enxergar você;
Eu invento o amor,
crio e recrio da maneira que o meu coração
sente você;
Eu invento o amor,
o refaço da maneira que o meu ser deseja você;
Eu invento o amor,
com cor, sem dor, com você!

Daniela Gomes de Almeida

domingo, 8 de abril de 2012

Páscoa


O verdadeiro significado da páscoa: As pessoas se acostumaram a entrar ano e sair ano comemorando a páscoa como se fosse um ritual sagrado, ou mais uma cultura de um país, mas quero levá-los a pensar mais adiante! Já parou para pensar em como teria sido se Jesus não tivesse morrido e ressuscitado por você? Pois é pense em como seria, dai sim você entenderá o verdadeiro significado da páscoa!
Feliz pensamento de vida eterna a todos! 

Daniela Gomes de Almeida

quarta-feira, 4 de abril de 2012

Tempo



Quando o silêncio vier entre duas pessoas,
o coração é capaz de responder com suas batidas;
Quando um olhar não se desviar do outro,
palavras não precisarão ser ditas;
Quando uma mão encostar-se à outra,
o gesto será a tradução do sentimento;
Quando um abraço acontecer,
o encontro dos corpos serão capazes de dizer o que de singelo existe;
Quando a paixão chegar irá arrebatar,
mas o amor fornece o chão de volta;
Quando o pensamento toma conta,
o sono se perde em meio a tanta imaginação;
Quando o sentimento chega sempre é uma surpresa,
mostra-nos a beleza do ser;
Quando não souber o que fazer,
apenas sinta e deixe o tempo responder;

Daniela Gomes de Almeida

Sentimento estagnado


Após a Revolução Industrial que ocorreu no século XIX o pensamento filosófico se estagnou, penso que com ele o amor também!
Deste século em diante as pessoas perderam o que chamavam de verdadeiro,
deixaram de lado valores que antes eram vistos como ética;
O ser humano perdeu a essência do amor...
Hoje em dia não se sabe o significado de amar...
O coração das pessoas está estagnado e perplexo;
As pessoas hoje em dia já deixaram até mesmo de quererem conhecer outras pessoas de verdade...
O medo nunca se estagna, este sempre salta a metros de distância aprisionando pessoas todos os dias, evitando que as mesmas liberem seus sentimentos reais;
Pergunto-me: até quando isso?
O século XX não trouxe grandes mudanças quanto a esta questão, o século XXI aboliu praticamente que de vez a prática do amor...
A dor machuca, mas ensina;
O amor às vezes fere, mas também é a cura;
Vamos voltar a pratica de amar e se deixar ser amado!
Só se aprende isso aprendendo a aprender a amar novamente;

Daniela Gomes de Almeida

segunda-feira, 2 de abril de 2012

A poesia revelada



A poesia traduz a fantasia...
O método de um poeta não é focar apenas seus sentimentos mais singelos, mas atraí-los de uma maneira que todos possam sentir também seus sentimentos descritos...
A Poesia gera a magia...
Um sorriso abre portas para uma dimensão de sentimentos, e o poeta tenta de alguma maneira trazer esse sorriso ao seu rosto de acordo com sua poesia...
A poesia ameniza a dor...
No mundo em que temos vivido tamanha tem sido a dor causada por feridas nos corações das pessoas, a poesia não traz a cura, mas te leva e viajar na imensidão de sentimentos e pensamentos que talvez você já não imaginasse mais sentir ou vivenciar...
A poesia multiplica o amor...
Quando se está apaixonado se perde o chão...
Quando se ama, se ganha o chão de volta...
O amor engloba todos os sentimentos em um só e assim a poesia também o faz, engloba todos os sentimentos em um só e os escreve e descreve...
A poesia explica a dor...
Como?
Só sabemos o que de fato sentimos, quando temos a coragem de dizê-los ou escrevê-los, não que só se retrate assim, mas de alguma maneira escrever é o meio de transcrever aquilo que de fato se sente...
A poesia é uma rima...
Ah como é belo amar;
Como é gostoso abraçar;
Como é saboroso beijar;
Como é agradável se entregar;
Como é caloroso ajudar;
Como é maravilhoso estar;
Como é bom gostar;
Como é triste odiar;
Como é ruim falhar;
Como é sábio recomeçar;
Em tudo e com tudo eu poderia rimar, mas no instante apenas estou desejando em minha poesia deixar algo para te alegrar!

Daniela Gomes de Almeida

quarta-feira, 28 de março de 2012

Medida de amar



Não sei quanto tempo é suficiente para se amar uma pessoa...
Eu talvez não saiba a medida exata do que é o amor, mas será que alguém o sabe?
Eu sei que independente de quem seja o coração é capaz de amar...
O tempo em questão se é um dia ou muitos anos não é o que define o que foi ou é amor...
O amor traz consigo a dimensão de todos os sentimentos juntos...
Só o sentimos quando permitimos que nossos corações estejam prontos para receber alguém dentro dele...


Daniela Gomes de Almeida

terça-feira, 27 de março de 2012

Dez sintomas - Apaixonado



Sabe qual é o primeiro sintoma de se estar apaixonado?
Ocorre quando coisas simples fazem de seu dia o melhor de todos...
O segundo sintoma de se estar apaixonado é olhar dentro de seus olhos
E perder o equilíbrio...
O terceiro sintoma de se estar apaixonado é sentir sua mão tocar a minha e o corpo todo estremecer...
O quarto sintoma de se estar apaixonado é ouvir o som da sua voz e não parar de ouvir a canção que soa quando você fala...
O quinto sintoma de se estar apaixonado é sentir o teu abraço e querer ficar dentro dele todos os dias...
O sexto sintoma de se estar apaixonado é mesmo que apenas olhando pra você eu me sinta bem...
O sétimo sintoma de se estar apaixonado é querer ver-te todos os dias, mesmo que seja para apenas te ver...
O oitavo sintoma de se estar apaixonado é desejar estar com você mesmo quando você me deixa irritado...
O nono sintoma de se estar apaixonado é querer te ter por perto...
O décimo sintoma de se estar apaixonado é fazer repetidamente os outros nove descritos acima...

Daniela Gomes de Almeida

sexta-feira, 16 de março de 2012

Amor...


O que dizer do amor?
O amor nos deixa de pernas bambas e sem ação...
Nos deixa perplexos e extasiados, eufóricos e paralisados...
O amor nos permite sentir todos os sentimentos em um só...
Nos causa saudade, nos causa ternura, nos ensina a esperar e nos faz desesperar...

Não sei o que há, mas sei que sinto...
Não compreendo ao certo, mas sei que é real...
Não entendo muito do que me pergunto, mas sei que é concreto...
A vida nos reserva cada coisa...
A cada dia que passa me surpreende mais viver...
Me surpreende mais amar...
Me ensina mais e mais que nada sei...
Falar do amor é como tentar calçar os sapatos ao contrário, não há uma explicativa justa ou injusta sobre ele, nem certa e nem incerta...

Daniela Gomes de Almeida