Diário Virtual

terça-feira, 26 de abril de 2011

Flores

Nascerão flores nos campos minados;
Mesmo nas regiões áridas sei que as flores exalarão seu perfume;
No cansaço da alma flores brotarão como em tempo de primavera...
Os pés pisaram em espinhos,
mas as flores continuam surgindo como o romper da aurora pela manhã;
Mesmo na terra sem adubo com toda a sua infertilidade,
flores serão produzidas como o orvalho na madrugada;
No intenso frio da solidão e no medo da escuridão,
flores nascerão em meio ao deserto pela fé!
Daniela Gomes de Almeida

Nenhum comentário:

Postar um comentário